Comente*

* Apenas para assinantes

coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. sérgio dourado

    Europa j√° poluiu o mundo o bastante para fazer uma auto-cr√≠tica e n√£o querer achar que ainda √© metr√≥pole (nesse caso, concordo com o Lula que n√£o devemos ser col√īnia). Acordo sobrelevaria, sim, valores democr√°ticos e universais das Democracias liberais. Mas parece que a pr√≥pria Europa n√£o cobra meio ambiente de outros Pa√≠ses com quer fazer acordo: parece que pra eles, "pautarem" o Brasil, colocarem na coleira quem foi demonizado por eles mesmos, parece que √© o verdadeiro objetivo.

    Responda
  2. CARLOS HENRIQUE VIANNA PEREIRA

    Nem o autor nem os comentadores abordam o essencial nesta quest√£o: quais os pontos de desacordo nas negocia√ß√Ķes ou posi√ß√Ķes da UE e dos pa√≠ses do Mercosul, em especial do Brasil, e como superar as diverg√™ncias. Parece impl√≠cito na posi√ß√£o do autor, ligado √†s elites empresariais brasileiras em Portugal, que o Brasil deveria assinar sem colocar empecilhos o Acordo tal como est√°. Isto defende os melhores interesses do Brasil e Mercosul?

    Responda
  3. José Cardoso

    Tamb√©m acho. Vi esse ano uma loja da Havaianas na Pra√ßa da Catalunia, no centro de Barcelona. E deve haver v√°rias outras pela Europa. Com um acordo, as sand√°lias n√£o precisariam pagar os 17% de al√≠quota de importa√ß√£o, ganhando ainda mais competitividade. Os industriais brasileiros tem mais a ganhar com o acordo. N√£o vale a pena deixar a coisa melar por conta da meia d√ļzia de empresas zumbis que s√≥ sobrevivem de compras governamentais.

    Responda
  4. LUIZ LEAL

    O articulista d√° a entender que Lula n√£o quer o acordo Mercosul/Uni√£o Europeia e que estaria errado por isso. √Č preciso esclarecer que em nenhum momento o atual presidente se colocou contra o acordo; apenas quer que haja igualdade de condi√ß√Ķes e n√£o um acordo de submiss√£o.

    Responda
  5. Paulo Henrique

    A Europa ainda tem dinheiro. Ainda prest√≠gio. Mas j√° vai virando hist√≥ria, j√° vai virando passado. O futuro est√° na √Āsia e n√£o na pen√≠nsula europ√©ia.

    Responda
  6. Renato Pinto de Almeida Junior

    La decance avec elegance. Lula Bolivariano Bolsonarista Norieguista Demagogo da Silva, surfa naquilo √© decadente. Ele est√° em casa. A vitrine internacional s√≥ lhe d√° voz em fun√ß√£o do ego cingido. N√£o h√° uma l√≥gica a favor dos interesses comuns brasileiros. √Č o narcisismo elevado √† √ļltima pot√™ncia. Intelig√™ncia e luzes, o Bolivariano nunca teve. O ego inflamado por√©m...

    Responda
  7. ANTONIO MEDEIROS AMORIM

    Primeiro o Mercosul n√£o existe. √Č uma ret√≥rica sem objetivos claros eivado de ideologias que nunca se realizam. Tanto √© que a reclama√ß√£o desse bonach√£o presidente do Brasil, de que o pa√≠s precisa deixar de exportar mat√©ria prima como petr√≥leo para exportar produtos com valor agregado, √© contradit√≥ria √†s iniciativas de seus governos passados. O que ele fez para resolver esse problema? Jogou milh√Ķes de dinheiro no lixo, ou no bolso de muitos, com refinarias que n√£o sa√≠ram do papel at√© hoje.

    Responda
    1. Dagmar Zibas

      Precisa de muita desonestidade intelectual para negar as realiza√ß√Ķes dos governos de Lula. Pa√≠s se tornou a 6a economia do mundo. Hoje √© a 12a. Saiu do mapa da fome da ONU. Voltou a esse mapa com Bozo. Famosa capa aleg√≥rica da revista Time mostrava o Cristo Redentor decolando como um foguete. Tudo isso voltar√°. Aceite q sofrer√° menos.