Comente*

* Apenas para assinantes

coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. RUI DE SOUZA

    Mirian, um beijo um abraço e um aperto de mãos. Sim sim, parabéns uma vez mais por esse texto!

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Fico muito muito feliz Rui

  2. aline rocha rosa

    Obrigada, Miriam. Voc√™ nos inspira a n√£o descuidarmos das rela√ß√Ķes com os mais velhos, sejam parentes, amigos e/ou desconhecidos que cruzam nossos caminhos. Miss√£o important√≠ssima no mundo moderno.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Que lindo, Aline. Sempre juntas

  3. Nilo Sérgio de Menezes Ramos Rodrigues

    Hoje vejo meus filhos seguirem as suas vidas, em outro país, e mesmo ainda não sendo idoso (estou quase), finalmente consigo imaginar o que minha mãe sentia quando eu não ia nos nossos jogos de baralho durante a semana. Se eu pudesse voltar no tempo....

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Se eu pudesse voltar no tempo

  4. filipe moura lima

    A Mirian nos ensina muitas coisas. Com ela, aprendo até a envelhecer.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Que lindo Filipe

  5. Joaquim Rosa

    Viva a juventude. Velhice é phueda de suportar.

    Responda
  6. JOSE EDUARDO MARINHO CARDOSO

    Em 22 de janeiro de 2022, o mestre zen budista Thich Nhat Hahn faleceu mas Thay (seu apelido) deixou ensinamentos que vão ao encontro do que a Mirian (agora escrevi certo). Enquanto o monge destaca habilidades como escuta atenta, fala amorosa, coragem de renunciar à violência. Já a nossa antropóloga fala sobre escutar bonito, que amar e ouvir estão ligados, coragem...Ela nos dá palavras de sabedoria!!

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Aprendi tudo isso com meus melhores amigos de 98 anos. Aprendo todos os dias com eles a ter coragem, escuta e amor incondicional

  7. Galdino Formiga

    Elogiar pode; comentar n√£o pode.

    Responda
  8. Tadêu Santos

    Fiquei deslumbrado com a leitura do seu texto e ouso declarar que tenho apenas 22, mas o s√°bio tempo insiste em definir que tenho que acrescentar mais 50 anos para ser real de fato... Este est√°gio de nossas vidas nos permite sonhar! Goldenberg, passarei a ler seus artigos, pois identifiquei-me com seu modo de exteriorizar suas reflex√Ķes e seus pensamentos, m√°gicas que movem cora√ß√Ķes e mentes deste explendoroso Universo em vivemos!!!

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Que lindo, fico muito feliz

  9. CARLOS TARDIVO

    Linda coluna! Todas de Miriam nos fazem refletir e valorizar a velhice ,parabéns!

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Fico muito feliz, Carlos, muito mesmo

  10. JOSE EDUARDO MARINHO CARDOSO

    Eu estava guardando meu gesto de bondade amorosa para a Miriam e pretendia comunic√°-lo aqui no dia 11 de dezembro. A Miriam sabe que data √© esta, mas porque n√£o fazer hoje: 'Toda semana, os textos da Miriam regam a boa semente do apre√ßo pela velhice que tenho em mim, assim encaro de forma realista e com √Ęnimo os desafios dessa fase da vida. Ent√£o, desejo a Miriam, de cora√ß√£o, que a semente de amor pelo pr√≥ximo que h√° em voc√™ fique cada vez mais forte'.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Jose Eduardo, fiquei muito emocionada com o seu lindo presente. Você nem imagina como me deixou feliz

    2. JOSE EDUARDO MARINHO CARDOSO

      Hoje, não só liguei para minha mãe mas almocei com ela. Toda semana encontro com ela, agendamos uma data e curtimos bastante...café, lanche, almoço, cinema...

  11. Tadeu Humberto Scarparo Cunha

    Cara Mirian mais um √≥timo artigo seu,basicamente versa sobre o respeito que devemos ter com o pr√≥ximo, do ber√ßo ao t√ļmulo com qquer ser humano.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Tadeu, respeito e amor, todos os dias

  12. Pedro Adalberto Maia

    Gostei demais do artigo. A partir de hoje serei seu leitor. Como idoso sofro com muito desprezo e humilha√ß√Ķes. Creio que sua coluna me ajudar√° a seguir meu caminho.

    Responda
    1. Nilo Sérgio de Menezes Ramos Rodrigues

      N√£o aceite, Pedro.

    2. Mirian Goldenberg

      Pedro, espero que ajudem mesmo. √Č a minha luta

  13. ANTONIO CARLOS Vely Mendonça

    Mirian, eu te amo! Você sabe disso né? Minha mãe também te ama. Leio pra ela todos os seus artigos. Obrigado Mirian.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Antonio, fico muito muito muito feliz. Mande um beijo meu muito carinhoso para a sua m√£e

  14. Ivete Rodrigues

    Texto ótimo para refletirmos. Estou com minha mãe de 96 anos na minha casa e percebo o quanto faz bem para ela ser ouvida, mesmo que ela se confunda com as histórias.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Verdade Ivete, faz muito bem, mesmo que n√£o percebam

  15. Marenildes Pacheco da Silva

    Tem um texto. n√£o me recordo o autor que diz: o jovem adulto leva seus filhos para a creche e seus pais para o asilo, depois adotam animais.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Triste demais

  16. Giovana Madalosso

    Lindo

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Sempre juntas

  17. Mário Sérgio Mesquita Monsores

    Sr Guedes. O Sr é o cara !

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Verdade

  18. Mário Sérgio Mesquita Monsores

    Mirian existe um doido q disse q viver é perder amigos. Q felicidade de ver w ele de alguma forma estava não certo. Mande um grande bj p seu amigo !

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Eu só ganhei amigos e amigas

  19. Gaya Becker

    Oi querida Mirian! Seu amor e dedica√ß√£o a essa etapa da vida chamada velhice √© encantador. No Brasil que desconhece a tudo e a todos, suas abordagens nos fazem pensar no quanto √© necess√°ria uma infraestrutura decente e capaz de acolher os idosos brasileiros que tamb√©m entram no c√°lculo do PIB do pa√≠s. √Č impressionante o desleixo do governo brasileiro com seus idosos. Talvez porque os idosos que chegam a presid√™ncia da Rep√ļblica tenham todas as benesses. O resto que se dane.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Gaya querida, como uma formiguinha, busco fazer a minha parte para mudar essa triste e cruel realidade

  20. Marenildes Pacheco da Silva

    Os idosos, em sua grande maioria, são solitários; época de recebimento de aposentadoria como eles conversam, da fila ao caixa; quando ligava para minha mãe, ela esticava uma conversa, quando me despedia ela dizia: desliga não, fala mais, aí dizia que ia atrapalhá-la e ela respondia: empata não; parece que ainda a ouço. Minha querida adorava passear nas casas de filhos e demais parentes, uma vez falei pro meu irmão que parecia que nossa mãe não gostava da casa dela e ele respondeu: solidão.

    Responda
    1. Galdino Formiga

      Os jovens n√£o gostam de conversar com os idosos.

    2. Mirian Goldenberg

      Eles me dizem que não têm com quem conversar, filhos e netos grudados no celular e os amigos já se foram

  21. Esechias Ara√ļjo Lima

    Schopenhauer afirma que "Durante a leitura, nossa cabeça é apenas o campo de batalha do pensamento alheio". Mas como é bom ser o "campo de batalha" dos pensamentos de Mirian Goldenberg! Abro diariamente a Folha à cata de um texto seu. Creio que sou um dos muitos que o fazem. Não a sigo porque não tenho redes sociais, senão, com certeza, seguiria. Depois de uma leitura dessa magnitude, ficamos plenos "como os bosques ao anoitecer" (Rilke). Obrigado, Mirian, pelo presente.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Esechias, fiquei muito muito muito emocionada com suas palavras carinhosas e generosas. Muito obrigada pelo presente

  22. Marcus Acquaviva

    Não sei se foi Sêneca ou Cícero que escreveu, "não fossem os velhos experientes a corrigir os erros dos jovens, não haveria estado e sociedade".

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Os jovens de hoje s√£o os velhos de amanh√£

  23. Paulo Araujo

    Boa tarde! Sigo vc j√° h√° algum tempo e me encanto com suas opini√Ķes e relatos. Nunca deixe essa luz se apagar! Ela ilumina nossos caminhos!

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Que lindo, Paulo. Tem que ter coragem, coragem

  24. Fl√°vio Taylor

    Que história Linda e esperançosa. Obrigado Mirian.

    Responda
    1. Mirian Goldenberg

      Fico muito feliz de saber que você gostou