Comente*

* Apenas para assinantes

comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Fauzi Palis Junior

    Lamentável? Absurdo é o mínimo!

    Responda
  2. Paulo Franco

    Essa mediação da folha é simplesmente sem comentários. Não disse nada abusivo, mas não liberam. Pra que ter comentários então

    Responda
  3. Mário Sérgio Mesquita Monsores

    SC queriam o q ?

    Responda
  4. jose fernandes de lima junior

    Essa juizeca precisa aprender a ter educação , isso deveria ser pre requisito para se tornar uma juiz de verdade.

    Responda
  5. Maria Lúcia Bergami

    O q é isso? Incoerência, incongruência...digamos, disparate! Sem excelência alguma. Bocuda, falta de educação, de urbanidade foi o q eu vi e ouvi da magistarda.

    Responda
    1. jose fernandes de lima junior

      Ignorância e arrogância, não tem outra explicação.

  6. Roberto Assis

    O problema é que a metade dessa gente se considera Deuses. Mas o problema maior é a outra metade: esses tem certeza que são Deuses.

    Responda
    1. Gildázio Garcia

      Excelente! Parabéns!

  7. Joao Amorim

    O estado mais bozonarista acontece às piores coisas , parece até castigo de Deus. Só os tolos e cegos não veem esse sinais

    Responda
  8. Joao Amorim

    A maior punição que ela pode receber é ser aposentada com salário integral. UM VERDADEIRO TAPA NA CARA DA SOCIEDADE

    Responda
  9. Luiz Mario Vieira Souto Leitão da Cunha

    Patético

    Responda
  10. Gildázio Garcia

    Nos últimos anos, tudo de "estranho" tem acontecido na região Sul, a Europa brasileira, especialmente em Santa Catarina.

    Responda
  11. Luiz Faganello

    Na mais petista das justiças, naturalmente a regra é a injustiça.

    Responda
    1. jose fernandes de lima junior

      Vindo de onde veio, não dá pra esperar muita coisa. Juizeca mal educada.

    2. Gildázio Garcia

      Imagine como deve ser na mais bolsonarista "das justiças"!

  12. Julio Shiogi Honjo

    Se nos parece que Excrescência seria mais adequado.

    Responda
  13. Luiz Antônio

    Excelência se aplica quando se tem algo ou um comportamento "excelente" , nesse caso, não foi o caso, tá mais pra "causo".

    Responda
  14. Rubens Ventura

    Que falta de sensibilidade humana, a meretíssima cresceu para cima do simples cidadão em descompasso com a empatia que o cargo exige.

    Responda