Comente*

* Apenas para assinantes

coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Pietro Saldanha

    Resumindo, √© digitaliza√ß√£o da "bola de cristal". O detentor das "informa√ß√Ķes privilegiadas" tende a se tornar um ser divino e acaba ignorando o fator humano, como exemplo, deixar de perguntar ao guia das florestas , que atalho tomar para evitar um perigo n√£o previsto pelas m√°quinas. Boom, a√≠ toda a certeza da decis√£o cai por terra.

    Responda
  2. MILTON DOLL

    "S√£o a vers√£o corporativista dos gurus do hindu√≠smo, dos dervixes do sufismo ou dos paj√©s das florestas virgens brasileiras." Pois √©...s√£o apenas outra forma de picaretagem, em alguns casos muito sofisticada ( IA?). Igual aos paramentos rituais dos gurus e outros sacerdotes, os consultores se apresentam em impec√°veis ternos e vistosas gravatas, sapatos italianos e demais paramentos que transferem admira√ß√£o e cobi√ßa. Raramente s√£o verdadeiramente √ļteis , exceto para transferir responsabilidade.

    Responda
  3. José Cardoso

    A grande utilidade de uma consultoria é que o gerente da área que a contratou tem a quem culpar quando as coisas saem errado. Porque senão a cobrança óbvia da alta direção é: por que não procurou ajuda. Contratasse uma consultoria...

    Responda
  4. DANNIELLE MIRANDA MACIEL

    Gostei. Obrigada.

    Responda
  5. Maxmilliano de Oliveira Reis

    Sinceramente n√£o penso que as consultorias poder√£o ser substitu√≠das por IAs. Ainda falta √† elas o sentir, nada poder√° substituir essa caracter√≠stica humana. Mesmo em grandes decis√Ķes, a an√°lise n√£o √© unicamente t√©cnica, ela √© tamb√©m sentida. Imagino que as IAs ser√£o integradas ao cotidiano, assim como, a energia, a televis√£o, a internet e a e televis√£o o foram. N√£o √© um grande neg√≥cio.

    Responda