Comente*

* Apenas para assinantes

coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Orasil coelho pina

    Pelo fim das nomea√ß√Ķes por pol√≠ticos aos Tribunais de Contas e do Judici√°rio, principalmente a partir da segunda inst√Ęncia at√© o STF.

    Responda
  2. José Cardoso

    O STF só tem algum respaldo social devido ao recente confronto com o Bolsonaro. À medida que o tempo passar, vai cair na vala do descrédito se continuar cultivar a fama de proteger corruptos.

    Responda
  3. jose prado

    Mas um tribunal que é ao mesmo tempo investigador e julgador poderiamos esperar o quê? Petistas esquecen , convenientemente, de nencionar esse fato! Fato, não suposição!

    Responda
  4. José Renato Altoé

    Esse ataque ao STF √© tipicamente bolsonarista. Deve-se lembrar que o Judici√°rio julga de forma t√©cnica-jur√≠dica, embora muitas vezes as decis√Ķes das Cortes Superiores tenham, inafastavelmente, repercuss√£o de cunho politico. Certo √© que as decis√Ķes n√£o t√™m obriga√ß√£o de agradar a opini√£o p√ļblica, e nem devem.

    Responda
    1. Ney Fernando

      O judiciário "de verdade" só tem juízes concursados no primeiro grau. Nos tribunais, um terço dos juízes ingressou sem concurso (vagas destinadas à OAB e ao MP). O Supremo é tribunal político, com juízes indicados por um político (o presidente) e sabatinados por outros políticos (os senadores), sem nenhum concurso.

  5. Vinicius Branco

    Impressionante como cresce, assustadora e desavergonhadamente, o apoio ao amigo dos amigo do meu pai. Somo mesmo um pais macunaímico!

    Responda
  6. Hercilio Silva

    Quando a imprensa apoiando a lava jato definia a pauta tava tudo bem né.

    Responda
  7. José Ricardo Braga

    O vi√ļvo da Lava Jato n√£o quer investiga√ß√Ķes de seus atos. Luz do sol, Marcus Melo, √© o melhor desinfetante. Evit√°-la, o que voc√™ quer, √© apenas suspeito...

    Responda
  8. Marta Vainchenker

    Esse n√£o √© o mesmo colunista que afirmava e reafirmava com cita√ß√Ķes abstratas a normalidade e sa√ļde institucional do pa√≠s durante todo o governo anterior? Parece bastante mais inquieto e terreno agora.

    Responda
    1. M√°rio Godoy

      Esse √© o mesmo ¬ďcientista pol√≠tico¬Ē que dizia que o golpe era imposs√≠vel e, na oportunidade que tem, fingiu que a tentativa de golpe n√£o aconteceu. Pode se chamar de covardia intelectual?! Ou tem um lado muito claro?

  9. Paulo Sales

    O STF sempre toma decis√Ķes atrasadas. O motivo, n√£o tem coragem de faze las quando precisa.

    Responda
  10. Carlos Eduardo Cunha

    A corrup√ß√£o corria solta at√© a LJ come√ßar a buscar evid√™ncias e den√ļncias , sempre comprovado pelas verbas encontradas em contas aqui e no exterior. N√£o tem cabimento eliminar estas justas puni√ß√Ķes , geralmente ainda bem aqu√©m do que conseguiram com seus procedimentos irregulares .

    Responda
  11. orlando gomes de freitas

    O homem √© suas ciscunstancias, infelizmente a situa√ß√£o levou o Tribunal a tomar decis√Ķes ljminares que talvez fossem levadas a plen√°rio em outra ocasiao. Devemos entender que as decis√Ķes monocraticas urgentes do STF nos proporcionaram seguran√ßa contra a tentativa de golpe.

    Responda
    1. Carlos Figueiredo

      ¬ď excluo aqui as partes interessadas, que o aplaudem¬Ē

    2. Dalmo de Souza Amorim Junior

      Onde est√° o PSol e outros partidos decorativos para solicitar a revis√£o em plen√°rio destas decis√Ķes no m√≠nimo pol√™micas? Quem estreou essa breve foi o habeas corpus de Dirceu, a partir da√≠ cristalizou-se a certeza de que havia algo errado. E os outros magistrados? Calados ou coniventes??

    3. Wagner Tavares de Goes

      O país onde os fins políticos justificam os meios jurídicos é ditadura. A Constituição nas democracias não pode ser relativizada.

  12. Manoel Cardoso

    Entre o STF e suas decis√Ķes monocr√°ticas √© uma nova ditadura no Brasil, eu apoio o STF. Amem!

    Responda
    1. Dalmo de Souza Amorim Junior

      Onde est√° o PSol e outros partidos decorativos para solicitar a revis√£o em plen√°rio destas decis√Ķes no m√≠nimo pol√™micas? Quem estreou essa breve foi o habeas corpus de Dirceu, a partir da√≠ cristalizou-se a certeza de que havia algo errado. E os outros magistrados? Calados ou coniventes??

  13. neli faria

    Enquanto as autoridades civis, Executivo e Legislativo, se omitiram na pandemia, o STF salvou, com suas decis√Ķes, milhares de vida! O STF , pelo trabalho herc√ļleo do Ministro Alexandre, nas elei√ß√Ķes, salvou a Democracia. Pode-se criticar decis√Ķes monocr√°ticas de um ministro hoje, mas, nas elei√ß√Ķes e na Pandemia, a Corte enalteceu a Constitui√ß√£o Nacional.

    Responda
  14. Felipe Ara√ļjo Braga

    Se não fosse o STF hoje seríamos uma ditadura sob Bolsonaro.

    Responda
    1. Carlos Figueiredo

      excluo aqui as partes interessadas, que o aplaudem)

  15. Webe Queiroz

    Oportunidade ou oportunismo...

    Responda
  16. Marco A Moreira

    Excelente artigo. Impec√°vel!

    Responda
  17. Alberto A Neto

    "A imparcialidade só merece a nossa gargalhada". (Nelson Rodrigues)

    Responda
  18. Caleb Salom√£o Pereira

    Cr√≠tica necess√°ria, mas o articulista faria melhor se perseguisse maior precis√£o terminol√≥gica ao descrever a decis√£o monocr√°tica de Dias Toffoli. N√£o houve anula√ß√£o, mas mera suspens√£o das obriga√ß√Ķes, criando a oportunidade para verificar se as alega√ß√Ķes das empresas t√™m proced√™ncia: procuradores federais da Lavajato e o juiz respons√°vel pelos acordos teriam coagido os empres√°rios detidos.

    Responda
  19. Alexandre Pereira

    Sensacional!! Um senado covarde abre uma brecha nos pesos e contrapesos, deixando a na√ß√£o √† merc√™ de uma de suas institui√ß√Ķes e, pelo visto, auto-regula√ß√£o saiu de cena faz tempo. Nossa jabuticaba institucional que chamamos democracia.

    Responda
  20. Florentino Fernandes Junior

    Como sempre, excelente, marcus andré

    Responda
  21. LUIZ FERNANDO SCHMIDT

    Um reparo a favor da verdade: Tóffoli não anulou multas; suspendeu temporariamente o pagamento. Pode não estar correta a decisão, mas ninguém anulou multa.

    Responda
  22. André Silva de Oliveira

    Excelente coluna. De fato, as decis√Ķes monocraticas parecem ter convertido os ministros do STF em demiurgos jur√≠dicos em contextos que lembram o macarthismo. Isto precisa parar sob pena de corroer toda a legitimidade do STF.

    Responda
  23. carlos campos

    Empres√°rio finge q paga as multas , aproveita pra dizer q ficou dif√≠cil continuar empreendendo, manda funcion√°rios embora, sem pagar direitos claro e depois, incentivado por grandes bancos, passa a ganhar dinheiro em aplica√ß√Ķes fora do pa√≠s, tudo aben√ßoado pelo "deus"mercado, onipotente, onisciente e c/seu m√°ximo pregador, paulo guedes,ungido pelas elites e grande m√≠dia. Errados t√£o Lula, Haddad q insistem em gerar empregos e acabar c/a desigualdade, esses inimigos dos coitadinhos da Fiesp.

    Responda
    1. Carlos Figueiredo

      excluo aqui as partes interessadas, que o aplaudem

  24. Pedro Luis S C Rodrigues

    Quando as agendas divergirem e o monstro se voltar contra os progressistas haverá muita gritaria e muito estrago terá sido feito. Isso se não se concretizar o pior cenário e houver uma ruptura institucional. A falta de auto contenção dos ministros é tamanha que causa incredulidade.Não há nenhuma postura institucional ou sequer resquicio de grandeza

    Responda
  25. Luiz Henrique Frosini

    Mais um colunista que apoia a criatura facista. Sugiro que se informe melhor sobre a decisão do Tofolli e não distorça a realidade.

    Responda
  26. EDSON BARBOSA ARAUJO

    Tu t√° certo cara p√°lida. Tem que colocar multa para quebrar as empresas Brasileiras com fez moro que quebrou a ind√ļstria naval e a de contru√ß√£o pesada

    Responda
    1. Igor Cornelsen

      Que nada, o melhor é deixar os corruptos com os recursos roubados, assim as empresas vão se desenvolver e gerar muitos empregos.

    2. Carlos Figueiredo

      excluo aqui as partes interessadas, que o aplaudem