Comente*

* Apenas para assinantes

coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Cristina Murta

    A rigor, este não é um problema de difícil solução, é sim um problema cujo custo da solução é extremante elevado. Algoritmos simples para resolver o problema são conhecidos e são de fácil compreensão, porém o custo em termos de tempo de execução para problemas grandes torna sua execução inviável.

    Responda
  2. José Cardoso

    Mesmo que não se chegue a uma solução ótima, por ser muita custosa computacionalmente, seria interessante ter a certeza de excluir as claramente piores.

    Responda
  3. DEROCY GIACOMO CIRILLO SILVA

    Os aplicativos para deslocamentos internos e externos das cidades usam o crit√©rio dos melhores roteiros (sem maiores dificuldades de tr√Ęnsito). Muitas vezes h√° um aumento significativo nas dist√Ęncias que chegam a desorientar os usu√°rios que n√£o conseguem gravar na mem√≥ria o caminho percorrido. Se l√° atr√°s era uma dificuldade para os caixeiros- viajantes , hoje, √© de todos que recorrem aos tais aplicativos.

    Responda
  4. DEROCY GIACOMO CIRILLO SILVA

    Os aplicativos para deslocamentos internos e externos das cidades usam o crit√©rio dos melhores roteiros (sem maiores dificuldades de tr√Ęnsito). Muitas vezes h√° um aumento significativo nas dist√Ęncias que chegam a desorientar os usu√°rios que n√£o conseguem gravar na mem√≥ria o caminho percorrido. Se l√° atr√°s era uma dificuldade para os caixeiros- viajantes , hoje, √© de todos que recorrem aos tais aplicativos.

    Responda
  5. Ivan Bastos

    Esperava mais informa√ß√Ķes sobre as instru√ß√Ķes do manual para caixeiros-viajantes datado de 18_32. Quais eram as limita√ß√Ķes, etc.

    Responda
  6. FRANCISCO Eduardo de CARVALHO VIOLA

    Ciência eh coisa pra país onde não se tem metade da população votando em negacionista. Um pai pode não ser letrado , mas pode ter discernimento pra conduzir seu filho aos estudos.

    Responda
    1. wagner da silva bento

      A FSP censurou meu comentario.

    2. wagner da silva bento

      Ser√° que votando no analfabeto mor e no seu partido estamos melhor? Ap√≥s 17 anos no poder nos √ļltimos 24 anos n√£o precisamos de nenhum algoritmo para encontrar a resposta.

  7. JOS LEANDRO

    A Ciência a serviço do trabalhador! Havia um programa alemão na Tv Cultura, que usava a Ciência a serviço do trabalhador. Em um desses programas um jovem físico usava a Física para cozinhar um ovo! Ele mostrava que necessário era fazer um pequeno furo no ovo, usando uma agulha, para evitar do ovo explodir durante sua cozimento! Fui fazer tal experimento! Uma tragédia: Quase toda a clara do ovo saiu por aquele furo de agulha!

    Responda
    1. Vania Rodrigues

      Vc tem q fazer um furinho pouco profundo, q atinja apenas a "c√Ęmara de ar". O problema n√£o √© a ci√™ncia; √© o executor.

  8. Mário Sérgio Mesquita Monsores

    Eu contrataria a Fedex rsrsrsrs.

    Responda
  9. marcos fernando dauner

    H√° mais de cem anos, na d√©cada de dez do s√©culo passado, meu av√ī paterno era caixeiro viajante aqui na regi√£o da Serra Dona Francisca, norte de SC . Estradas ? deslocamento era a cavalo .

    Responda
  10. Vito Algirdas Sukys

    O problema do caixeiro-viajante, PCV ou TSP (Traveling Salesman Problem) com dez cidades já é difícil, tem 9! possíveis rotas ou 362.880. Pode a IA resolver a TSP? Os matemáticos serão substituídos pela IA?

    Responda
    1. Cristina Murta

      A IA não pode resolver o TSP em tempo menor do que o dos algoritmos já conhecidos porque a IA apenas executa o que homem programa, então só pode usar o que já é conhecido. Ela não inventa nada de novo.

  11. Valdo Neto

    Para complicar um pouco mais o problema do Jos√©, h√° que se considerar que as vias entre as cidades que ele deve visitar n√£o s√£o uniformes e que poderia haver mais de um jeito de chegar numa cidade, sendo que n√£o necessariamente o mais curto √© o mais conveniente em termos de tempo e custo. A resposta para a pergunta do Jos√© dever√° considerar muitos fatores, para muito al√©m das dist√Ęncias entre as cidades a serem visitadas.

    Responda
    1. Mário Sérgio Mesquita Monsores

      O clima durante o ano m . Vari√°veis infinitas.

  12. LUIZ FERNANDO SCHMIDT

    Só acho que não faz sentido "N" ser muito grande. Mesmo determinada a rota mais curta, demoraria demais para o caixeiro voltar à fábrica. De forma prática, penso que é melhor um "N" menor e mais caixeiros. Também aumenta o emprego.

    Responda
    1. Cristina Murta

      Mesmo falando em n√ļmero de cidades, imagine rotas de avi√£o e as capitais dos estados (Brasil ou EUA, por exemplo, que s√£o dezenas). Saber qual √© a melhor rota de voo para visitar todas as capitais √© um problema do tipo abordado, cujo custo de solu√ß√£o √© bem alto.

    2. Luiz Mario Vieira Souto Leit√£o da Cunha

      Muito bem observado

    3. Marcio Vieira

      Lembra que esse problema se aplica a muitas áreas, como a arquitetura de Chips; aí, o "caixeiro" é um sinal viajando por N transistores.