Comente*

* Apenas para assinantes

comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Beatriz Tubino Cerveira

    Neologismo no português brasileiro.

    Responda
  2. Manoel Marcilio Sanches

    Tanto barulho para concluir que o idioma aqui é o português.

    Responda
  3. neli faria

    Linguagem neutra é um modismo que pode passar com o decorrer do tempo, ou ficar para sempre. Sabe-se lá, não estarei cá para verificar.

    Responda
    1. Celso P

      Exato. Pode ser incorporado e, no futuro, nem existir polêmica ou, mesmo, virar gíria de grupo social.

  4. MARIA LIEGE DE SOUSA LEITE

    Finalmente uma autoridade com bom senso e conhecimento da Língua Portuguesa, manifesta-se contra essa idiotice que só nos expõe ao ridículo tal como se falar em " membra" e " presidenta".

    Responda
    1. Márcio Castro

      Membra e presidenta não são linguagem neutra e fazem parte da lingua portuguesa conforme dicionário VOLP da Academia Brasileira de Letras. Basta estudar um pouco para não falar besteira

  5. Paulo César de Oliveira

    Parece que, sem querer, Lula fez uma boa escolha.

    Responda
    1. Celso Augusto Coccaro Filho

      Sim, embora a causa da sua nomeação tenha sido errada, pelo menos é bem formado cultural e juridicamente e se porta, ao menos até aqui, como um magistrado, e não como ativista descerebrado ou núncio de empreiteiras.

  6. Victor Henriques

    Nunca vi linguagem neutra em lugar nenhum. Isso para mim é uma dessas lendas urbanas da internet, espantalhos políticos para confundir incautos

    Responda
    1. Celso Augusto Coccaro Filho

      Sério mesmo? Uma assessora, felizmente demitida, da ministra Anielle Franco usou e abusou da linguagem neutra e no caso também ofensiva, num evento público (diligência ministerial a um estádio de futebol), e em diversos segmentos estudantis universitários e com ideologia woke, é muito comum. Sorte sua, que tem poupado seus ouvidos.

  7. Paulo Sales

    Linguagem neutra não contribui, não melhora, não resolve nada. Pelo contrário, só cria separação. Afinal, a percepção que cada um tem de si mesmo, está limitado a duas opções, não existe uma terceira forma de atuar.

    Responda
    1. Elaine Luciana Coutinho Sonehara

      Não agrega nada a ninguém. Aff